Home » Publicações » 2012 » A PALAVRA DO PRESIDENTE – MAIO DE 2012

A PALAVRA DO PRESIDENTE – MAIO DE 2012

MAIO DE 2012

Negociações neste momento estão emperradas,

mas vamos – mais uma vez – mobilizar os trabalhadores

para obtermos Acordos dignos e justos!

Este mês de maio marcado pelo Dia das Mães (13) e pelo Dia Internacional das Telecomunicações (17), devidamente comemorados e registrados pelo nosso Sindicato, especialmente a homenagem que fizemos a todas as nossas colegas da Categoria que além de grande batalhadoras, marcam suas vidas de forma sublime através da maternidade.

No campo das negociações, o mês é de negociação. Muitas empresas com suas data-base em 1º de maio estão em pleno processo negocial com os dirigentes do Sinttel-SC para a celebração do próximo Acordo Coletivo de Trabalho, com a devida avaliação e deliberação dos trabalhadores através das assembléias. É o caso das Empresas Huawei, RM Telecom, Alcatel, Ericsson, Nokia/Siemens, Tivit, Mantel, Redel/Aionix, entre outras.

O momento é de muita expectativa por parte de todos que estão participando das rodadas de negociação e que grande mobilização por parte dos trabalhadores que esperam por propostas de Acordo que reflitam o bom momento que vive o mercado de telecomunicações.

É bem verdade que, ao longo das décadas de experiência que temos colhido nas mesas de discussões sobre ACT’s, nunca registramos algum negociador ou representante de empresas reconhecerem que os negócios vão bem e que são promissores. Muito pelo contrário. É freqüente e esperado o verdadeiro rio de lágrimas trazido até nós com o intuito óbvio de tentar nos impedir de melhorar salários, vantagens e benefícios dos trabalhadores – sempre os responsáveis diretos do fabuloso crescimento do Setor no mundo todo, especialmente no Brasil e em Santa Catarina.

Tal estratégia já conhecida por nós precisa sempre ser superada com a apresentação de números, dados e balanços positivos, trazidos por nós e que normalmente revertem o choro inicial ao debate sobre a valorização dos trabalhadores neste mundo de produção e lucratividade ascendentes.

Na negociação de 2012, agora neste mês de maio, estávamos com as conversas emperradas, até que numa reunião – ocorrida em São Paulo nos últimos dias – houve uma sinalização de proposta econômica nacional para algumas empresas, as quais – após os ajustes de cláusulas específicas de cada Estado, poderão ser levadas para apreciação dos empregados de cada empresa.

Aqueles que tem negociações feitas por Estado ou Região deverão dar andamento com propostas econômicas pontuais para finalizar as conversações que se encontram até aqui em compasso de espera para solução dos ACT’s.
Nossa expectativa é de mantermos os trabalhadores por nós representados em total mobilização para pressionarmos as empresas no sentido de obtermos acordos dignos e justos para nossa Categoria.

Para isso, o Sinttel-SC renova, mais uma vez, o espírito de luta de todos os colegas e companheiros de Santa Catarina, reforçando nosso unidade, nossa força para alcançarmos nossos objetivos, de defender e valorizar o trabalho de cada integrante de nossa Categoria.

Importante lembrar que o Sindicato pode muito, através de seus diretores, mas é fundamental a parceria e o empenho da Categoria em momentos delicados e tensos que exigem a participação e o engajamento de todos os trabalhadores. Juntos, com o Sinttel-SC à frente podemos muito mais. Fortes, defendendo nossos ideais, seja onde for preciso atuar e lutar.

Sergio Domingues da Silva
Presidente do Sinttel-SC

Esta notícia foi importada automaticamente de nosso antigo website. Caso você identifique algum problema com o conteúdo da mesma, use a área de comentários para nos informar e corrigiremos o problema rapidamente.

Convênios para associados: