Home » Publicações » 2012 » RM TELECOM – CATEGORIA REJEITA PROPOSTA DA EMPRESA: 75,46% CONTRÁRIOS!

RM TELECOM – CATEGORIA REJEITA PROPOSTA DA EMPRESA: 75,46% CONTRÁRIOS!

CATEGORIA REJEITA PROPOSTA DA EMPRESA: 75,46% CONTRÁRIOS!

Trabalhadores unidos querem Acordo justo!

ASSEMBLEIAS EM TODO ESTADO APONTAM QUE CATEGORIA VAI BUSCAR AVANÇOS NA PROPOSTA, CUSTE O QUE CUSTAR!

  
NA CAPITAL, A ASSEMBLEIA QUE TRABALHADORES DISSERAM NÃO À PROPOSTA DA EMPRESA. NO DETALHE, O BOLETIM 770. CLIQUE E LEIA.

Os Trabalhadores da RM Telecom em Santa Catarina rejeitaram a proposta da Empresa para o próximo Acordo Coletivo de Trabalho. Mais de 75% dos companheiros votaram pela rejeição durante as assembleias realizadas no Estado entre os dias 20 e 27 de junho, apontando para melhorias no que oferece a Empresa em diversos itens da proposta.

SINTTEL-SC JÁ COMUNICOU A EMPRESA!
O Sinttel-SC já encaminhou documento à RM comunicando a decisão soberana dos trabalhadores. Em consequência disso, o Sindicato também solicitou uma solução para este impasse, abrindo prazo de sete dias para que se tenha um encaminhamento por parte dos negociadores da Empresa.

TRABALHADOR E SINDICATO VÃO BUSCAR DIREITOS, CUSTE O QUE CUSTAR!
Os trabalhadores aprovaram nas assembleias realizadas em todo o Estado que se a Empresa mantiver intransigência na proposta fraca que foi apresentada, Categoria vai reforçar mobilização e buscar seus direitos custe o que custar. Se for necessária a greve, Sindicato e Trabalhadores vão pra luta em busca de um Acordo Coletivo justo e de bom senso.

O desafio está lançado. Esperamos que os negociadores da RM Telecom tenham sensibilidade para entender o momento tenso que vivemos e resolva reabrir as negociações e avançar na proposta final, viabilizando o ACT.

O QUE OS TRABALHADORES QUEREM NESTE ACORDO:
– Reajuste de Salário Base/Gratificações Fixas para todos: 10%
– Reajuste das Locações de Veículos: 48% para motos, veículos, utilitários e caminhões. (Pagamento também nas férias)
– Tíquete Alimentação: R$ 15,00 e somente 10% de participação do trabalhador.
– Plano de Saúde: pagamento de 100% do custo para todos os trabalhadores, com manutenção da proposta da Empresa em relação aos demais dependentes.
– Jornada de Trabalho: horário igual para todos os trabalhadores da rede externa no Estado. (44 horas, de segunda a sexta-feira, com intervalo de uma hora de almoço).
– Hora Extra: manutenção do sistema de pagamento atual, ou seja, 75%, no sábado, após as 13:00 horas.

PARA OS TÉCNICOS DE IRLA e VELOX:
– Cesta de Produção de R$ 8,00/OS

PARA OS TÉCNICOS DE TUP:
– Manter o pagamento para acesso no valor de R$ 1,50
– Pagamento da limpeza do TUP de R$ 1,00
– Manutenção dos atuais valores de pagamento de troca de cúpula e instalação de mudança de endereço.

PARA OPERADORES DE DG:
– Gratificação Fixa de R$ 100,00

PARA OS CABISTAS/OFICIAL DE REDE/ LÍDER DE OBRAS:
– Gratificação fixa igual para todos no valor de R$ 233,86.

PARA OS TÉCNICOS DE DADOS:
– 1º Grau Técnico: graduar técnicos de nível II para nível III, conforme qualificação, tempo de serviço, experiência entre outros, mas sem retroceder o nível de nenhum técnico já contratado.
– Produção: serviços de alteração de velocidade, instalação de mudança de circuito e configuração de “router”, no valor de R$ 12,00.
– Gratificação de Indicador: R$ 350,00.

NO CRM:
– Geral: gratificação/assiduidade – R$ 100,00.
– Analistas de ADSL – CSTN 1 e Analistas de Comunicação de Dados: inclusão da gratificação no ACT.
– Desvios de Função: eliminar este tipo de procedimento no CRM.

Esta notícia foi importada automaticamente de nosso antigo website. Caso você identifique algum problema com o conteúdo da mesma, use a área de comentários para nos informar e corrigiremos o problema rapidamente.

Convênios para associados: