Home » Publicações » 2015 » RM TELECOM – PAUTA DE REIVINDICAÇÕES ENTREGUE À EMPRESA!

RM TELECOM – PAUTA DE REIVINDICAÇÕES ENTREGUE À EMPRESA!

Vem aí, as negociações!

Categoria mobilizada, aguarda

por bom senso e justiça!

No último dia 6 de abril (segunda-feira), o Sinttel-SC encaminhou formalmente à ARM Telecomunicações de Engenharia Ltda, a minuta da Pauta de Reivindicações para o Acordo Coletivo de Trabalho de 2015/2016 (CONFIRA NO PÉ DA PÁGINA, NA ÍNTEGRA/PDF), legitimada pela aprovação em assembleias da Categoria Telefônica em Santa Catarina.

SINTTEL-SC E CATEGORIA ESPERAM INÍCIO DAS NEGOCIAÇÕES!

Em ofício conjunto, o Sindicato também solicitou o termo formal da Empresa, garantindo a Data Base (1º de abril/2015) até a conclusão das negociações deste Acordo, dada a proximidade desta data.

A direção do Sinttel-SC, finalmente, pede a imediata abertura das negociação unificada com os dois Sindicatos do Sul (Paraná e Santa Catarina) e definição de calendário para início deste processo negocial.

PROPOSTA DE PAUTA JUSTA!

Na formatação da Pauta, o Sinttel-SC e a Categoria, apresentaram uma proposta de reposição e aumento real dos salários, entendendo ser números justos e que a Empresa, tranquilamente, podem assumir com os seus empregados.

É importante ressaltar que a RV (Remuneração Variável) – o novo modelo que a RM pretende levar para mesa de negociação e aplicar, do jeito que está construída, não contém nenhuma vantagem aos trabalhadores, muito pelo contrário, só traz prejuízos aos empregados. O que o Sindicato e a Categoria quer é que a RV contemple todos, sem discriminações, e em valores que venham representar aumentos reais para os telefônicos.

MOBILIZAÇÃO TOTAL DOS TELEFÔNICOS!

Fundamental, neste momento, que os companheiros da RM redobrem a mobilização junto ao Sindicato, unificando forças para as negociações que se aproximam.

Para Rogério Soares, presidente eleito do Sinttel-SC, o momento é de grande expectativa para a Categoria. “O cenário econômico e político nacional mostra que vamos ter que ser firmes e fortes para enfrentar os desafios, porque vão querer apresentar as contas para o trabalhador pagar, como sempre, e isso nós não vamos aceitar. Já passamos por provas bem difíceis, como a greve de 29 dias do ano passado. Se precisar, vamos lutar com o mesmo ímpeto e determinação para conquistar um Acordo Coletivo justo!

Estamos prontos para a negociação!

CONFIRA A ÍNTEGRA DA PAUTA DE REIVINDICAÇÕES (EM PDF):

Esta notícia foi importada automaticamente de nosso antigo website. Caso você identifique algum problema com o conteúdo da mesma, use a área de comentários para nos informar e corrigiremos o problema rapidamente.

Convênios para associados: