Home » 2016 » Oficializado acordo VIVO/GVT

Oficializado acordo VIVO/GVT

 

Depois do desfecho complicado das negociações de 2015, quando a primeira contraproposta foi recusada em assembleias na maioria dos estados, a empresa modificou a proposta que acabou aprovada.
Acompanhamos de perto os indicadores do mercado e os indicadores e estimativas apontam para um fechamento dos resultados de 2015, longe da tão falada crise. De imediato os dirigentes do SINTTEL-SC e da comissão de negociação acionaram a empresa para buscar alterações no acordo recém firmado.
Esses resultados são fruto da competência e dedicação dos empregados da VIVO –GVT em todo país. E esses frutos têm de ser melhor repartidos.
Como na proposta aprovada nem todos os benefícios haviam sido reajustados pelo INPC integral. Conseguimos que, partir de 31 de agosto de 2016,  a empresa corrija valores de benefícios para atingir o INPC da data base que foi de 9,88%
Com isso, no próximo acordo coletivo de setembro de 2016/17 não haverão perdas passadas a serem recuperadas. Os benefícios desta complementação são:
Auxílio Alimentação Adm. Vivo Telefônica
SP passará a ser de R$ 954,63
Demais estados: 896,93
Auxilio Alimentação Adm. GVT
SP : R$ 954,63
Demais Estados: R$ 896,93
Auxilio Alimentação – pessoal de campo
SP e RJ: R$ 571,66
Demais Estados: R$ 502,44
Como forma de indenizar a aplicação das diferenças do reajuste para 9,88% será pago um abono em tíquete nos seguintes valores:
SP e RJ : R$ 179,76
Demais Estados: R$ 158,04
Cesta Básica:
Além da correção apresentada  na proposta levada às assembleias – o benefício da cesta será corrigido em mais 2,69%  a partir de 31/08/2016.  Os valores passam a ser:
Auxilia LA e Instalador LA: R$ 156,40
Reparador LA (exceto SP) e Técnico ADSL: R$ 312,80
Auxilio Creche Adm Telefônica
Nos estados filiados à Fenattel ele chegará em 31 de agosto a R$ 511,00
Auxilio Creche GVT
O Valor será equiparado ao da Telefônica em 31/08/2016
Comissão de Saúde
Formação de uma comissão, cujos integrantes irão avaliar e sugerir melhorias no plano médico
Compensação de Horas, pessoal de campo
A empresa negociará com os representantes sindicais para discutir  como e se ocorrerá a implantação de um Banco de Horas, garantindo que não irá implantar de modo unilateral ou sem a concordância destes.
Auxilio Condutor e Aluguel de Veículos
A partir de 31 de agosto
Condutor: R$ 245,35
Aluguel de Veiculo pequeno: R$ 1.1.38,04
Aluguel de Kombi: R$ 1.511,31
Aluguel de Motos: R$ 413,59
Assim, estas modificações passam a integrar o ACT.

Convênios para associados: